Diretor de Apoio ao Graduando faz alerta aos futuros médicos sobre a ética na medicina

No dia 18 de Outubro é comemorado o Dia do Médico, profissional responsável por cuidar e promover a saúde de toda a população. Esta data foi escolhida em referência ao dia de São Lucas, o santo padroeiro da Medicina. Médico há mais de 30 anos, o cardiologista e diretor de Apoio ao Graduando do SIMESC, Odi José Oleiniscki, escolheu esta data de homenagem à categoria para compartilhar com os futuros médicos um pouco da sua percepção sobre a medicina. Confira abaixo:

O médico é o profissional que se ocupa da saúde humana, prevenindo, diagnosticando, tratando e curando as doenças, o que requer conhecimento detalhado de disciplinas acadêmicas (anatomia, fisiologia, microbiologia, etc), por detrás das doenças e do tratamento – a ciência da Medicina,e também competência na sua prática aplicada – a arte da Medicina.Portanto, ser Médico é olhar para seus pacientes além da patologia, é entender cada aflição, é saber que diante dele há mais do que um corpo, mais um ser humano que deseja viver com qualidade de vida. É se emocionar com o seu paciente diante de cada conquista. E ao final da jornada, sentir que honrou a tradição de sua profissão.

Por que agir como descrito acima? No campo das relações de trabalho, diferentes categorias, têm estabelecido conjunto de normas éticas que formam a consciência do profissional e norteiam sua conduta. No Brasil, o Código de Ética Médica (CEM) é um desses documentos que estabelece de forma positivista os limites, os deveres e os direitos que os médicos precisam observar nas suas relações – entre si, com os pacientes, com a indústria e com a sociedade ,nas diversas esferas possíveis do exercício da Medicina (atendimento, ensino, pesquisa, gestão).

Importante ressaltar que vocês, enquanto estudantes, não poderão ser alcançados pelo CEM, porém o Conselho Federal de Medicina e entidades estudantis vinculadas ao ensino elaboraram uma Carta de Princípios Universais, para estimular o desenvolvimento de uma consciência individual e coletiva, propícia ao fortalecimento de uma postura honesta, responsável, competente e ética, resultando na formação de um futuro médico mais atento a esses princípios básicos para a atividade profissional e a vida em sociedade.

Convidamos todos vocês a conhecer esta carta,intitulada Código de Ética do Estudante de Medicina disponibilizada em nosso site simesc.org.br/núcleo acadêmico. 

Por fim, o SIMESC deseja a todos vocês, futuros médicos, uma carreira coroada de pleno êxito.

Odi José Oleiniscki

Diretor de Apoio ao Graduando em Medicina

Deixe uma resposta